Acadêmicos conhecem técnicas empregadas pelos imigrantes nas construções em madeira

Os acadêmicos da nona fase do curso de Engenharia Civil do Unibave, por meio da disciplina Estruturas de Madeira, participaram de uma atividade no Museu ao Ar Livre Princesa Isabel na última terça-feira, 08. O intuito foi proporcionar aos acadêmicos experiências práticas relacionadas ao uso e aplicações de madeira para fins estruturais. Relações entre tipos de madeiras, patologias possíveis de acontecer (ataque de pragas, problemas com umidade, calor, deformação), além de métodos de conexões e sistemas de fixações. Na ocasião, os estudantes foram recebidos pela diretora do Museu ao Ar Livre, Valdirene Böger Dorigon, e pelo conservador do museu, José Antônio Benedet, que conduziram os acadêmicos por algumas unidades. Benedet explicou as técnicas empregadas pelos imigrantes europeus nas construções em madeira existentes no museu, os tipos de encaixes e apresentou alguns problemas relativos aos ataques de insetos xilógrafos e patologias ocasionadas por outros agentes de degradação. Os estudantes aproveitaram a oportunidade para visitar a exposição Índios e Imigrantes na Colônia Grão-Pará, em exibição na Casa de Pedra.

Rua Padre João Leonir Dell’Alba - 441
Bairro Murialdo
Orleans - SC
(48) 3466 0011
(48) 3466 5611
O Museu ao Ar Livre Princesa Isabel é mantido pela Fundação Educacional Barriga Verde - FEBAVE